quarta-feira, 22 de março de 2017

O que são sialolitos?

O que são sialolitos? 😱
Formação de cálculo, calcificações nas glândulas salivares ou seus ductos. Acometem principalmente as glândulas salivares maiores. Podem ser uni ou bilateral ou até múltiplos.
➡Sinais e sintomas:
Geralmente assintomáticos de evolução lenta. Mas, podem apresentar edema e ausência de salivação da glândula afetada.
➡Diagnóstico :
Exames radiográficos, palpação e avaliação da quantidade de saliva decretada.
➡ Radiograficamente :
Geralmente radiopacos, mas cerca de 20% dos casos são radiolúcidos e não são observados em exames radiográficos. Exigindo exames como : sialografia, tomografia computadorizada, cintilografia salivar e sialoendoscopia. ➡HD : 
Calcificação de linfonodos, flebólitos, osteoma, torus mandibular.
➡Tratamento :
Depende do tamanho e localização.
Os menores : cateterismo e dilatação e manipulação do conduto.
Os maiores : cirurgia conservadora ou excisão da glândula afetada. 

domingo, 19 de março de 2017

Fenômeno de retenção de muco do seio maxilar

➡Sinais e sintomas:
É geralmente assintomático, sendo descoberto em exames radiográficos de rotina.
Mas, pode apresentar dor fraca na região dos seios maxilares, dormência na bochecha, obstrução nasal e eliminação de fluido amarelado pelas narinas.
➡Radiograficamente :
Opacidade circuncrita, em forma de cúpula. Pode ter tamanhos variados e até ocupar todo o seio maxilar.
Pode ser uni ou bilateral.
➡Tratamento :
Pode diminuir com o tempo e até desaparecer.
Considerando que seus sintomas causam o mínimo desconforto, uma intervenção cirúrgica se faz desnecessária.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Imagem Radiográfica da Semana (115)

Neste Imagem Radiográfica da Semana temos um dente extranumerário incluso, invertido, na região da raiz do dente 21.

Dosímetro individual

O dosímetro individual de leitura indireta deve ser usado por todo profissional que trabalha com Raios-X, o qual é trocado mensalmente.

 ➡Os dosímetros apresentam aproximadamente 10 cm, o que varia de acordo com o fabricante e deve ser utilizado na região mais exposta do tronco por cima do jaleco. 

➡Geralmente são compostos de cristais com termoluminescência, TLD ( dosímetro termoluminescente) , que acumulam a radiação ionizante a qual o profissional foi exposto e é encaminhado ao laboratório para análise. 😉
➡No laboratório, através de um processo térmico, a radiação é liberada em forma de fótons ( luz), a quantidade de fótons liberados equivale a dose de radiação ionizante. Então, o laboratório encaminha um relatório com a dose de radiação ionizante a qual foi exposta cada profissional durante o período de uso do dosímetro. 💀
☆Saiba mais sobre Radioproteção na Portaria 453 de 01 junho de 1998.